quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Roteiros


Alguns anos atrás, quando cursava artes visuais na UNESC, tive aulas de artes cênicas. Essas aulas me fizeram desenvolver um desejo imenso de escrever uma peça de teatro. A falta de disciplina para escrever a peça me fez ter uma vontade desgraçada de escrever um livro. A falta de disciplina para escrever um livro me fez querer escrever um roteiro de filme. Porém, enquanto a Ancine (é sabido que a Ancine é como as universidades públicas: só ajuda quem não precisa) não me financia e nenhum produtor de cinema bem financiado queira me comer (talvez consiga), terei que adiar também esse sonho. Porém, tenho algumas idéias. Explicitá-las-ei aqui.

VAGINAS ESCALDANTES

Cidadezinha no interior da Paraíba, com cerca de cinco mil habitantes. Três mulheres aparecem pegando fogo (literalmente), vindo de lugar desconhecido. Só que acontece o seguinte: não morrem, mesmo queimando. Três paraíbas (estrelados por Matheus Nachtergaele; o ator que faz o Sem Chance, em Carandiru e, estreiando no cinema, o ex-jogador Cafu) decidem tomar uma atitude: pegam a pouca água que há na cidade e apagam a chama que queima as mulheres. Descobrem que por baixo do véu de fogo estavam lindas mulheres (estreladas por Scarlet Johansson, Halle Berry e Jessica Biel). Estas, agradecidas, decidem lhes retribuir com favores sexuais. Ai se dá a catástrofe: as vaginas das moças, ainda quentes, derretem os pênis dos protagonistas. Triste. A trilha sonora seria da banda Blues Etílicos. O filme levantaria ainda questões filosóficas sobre nossa chama interior, o casamento e, estranhamente, o governo Dilma.

O BONDE DO AMOR PSEUDO-SOCIALISTA

Rússia, década de 20. Uma russa, chamada Protagoneva, vive com seus pais numa humilde casa no norte. Um general do exército socialista, Birrochenko, fazendo uma investida na região, se apaixona perdidamente e a leva pra morar em sua casa na capital, Moscou (era esta a capital na época?). Então se estabelece a crise: Protagoneva quer um sorvete, mas a cota de sorvetes distribuída pelo governo acabara. Ela quer ir ao cinema, mas o governo censurou todos os filmes. Pede ela um biquíni, mas ele argumenta: “Biquíni pra que, nesse frio?”.
Um empresário americano, John T. Corneious, em visita ao lugar para comprar algumas concessões petrolíferas do governo Russo, seduz Prota com promessas de todos os sorvetes que ela queira tomar. Ela topa ir para a América com John, mas Birrochenko descobre, e, num gesto de raiva, ataca o concorrente. Os dois morrem numa dramática guerra de bolas de neves. Protagoneva rouba o dinheiro do americano e vive feliz para sempre.
Elenco: Cameron Diaz como Protagoneva, Dolph Lundgren como Birrochenko (atuação digna de Oscar) e Sean Penn como John.

PRESIDENT EVIL (Título by @MMazon)

Casa Branca, reunião entre líderes mundiais. Debatendo sobre o futuro do planeta, aquecimento global, crise monetária da Europa e a zaga do Brasil de Pelotas estão Barack Obama (Denzel Washington), Angela Merkel (Meryl Streep), Kim Jong-il (Jack Chan) e Dilma Roussef (Angelina Jolie, haha). No meio de um debate agressivo Dilma, nervosa, aperta um botão vermelho, situado embaixo da mesa.
Corta para um túnel passando em alta velocidade e Lula (Mike Myers) surge do chão com semi-automáticas, matando os outros três participantes da reunião. Lula e Dilma abrem um litro de 51 pra comemorar quando o inesperado acontece: Os três renascem dos mortos para comer os cérebros de Lula e Dilma. Matam os dois e: que decepção! Nada de cérebro!
É decretado feriado nacional comemorativo no Brasil.
Marcela Temer (Megan Fox), depois de uma morte no mínimo suspeita do ex-marido Michel Temer (Michael Douglas), assume a presidência, e todos vivem felizes para sempre.

PERDIDO NA ILHA

Homem de meia idade viaja num avião. O avião cai numa ilha deserta, onde o homem tem que, como único sobrevivente, vencer seus medos e a solidão para sobreviver. Encontra uma bola que se transforma em sua única companheira. Esta deve se chamar Adidas. Depois de alguns meses é resgatado e vê que sua vida desmoronou, sua mulher está casada com outro e seu avô virou drag.
Para esse, no papel principal, acho que escalarei alguém que não seja galã, mas que passe credibilidade. Tom Hanks, talvez.
Acho que este roteiro é o mais promissor. Tomara que não tenham feito nada parecido...

8 comentários:

Mazon disse...

KKKKKKKKKKKKKKKKK O BONDE DO AMOR PSEUDO-SOCIALISTA????
cara, se eu souber algum produtor maluco, te apresento, dae tu faz tua parte, e vê se da gostoso!
Abraço!

Ramombob disse...

Me afinei mto. kkkk. mto bom o texto.

bruna disse...

Ficou muito legal, adorei a morte com bolas de neve, super criativo (:
Parabéns por todos os posts, são ótimos!

Jean Carlos disse...

Sobre a capital da Russia!
Apurei que 1613 à 1917 a capital era São Petersburgo (império russo) depois a Capital foi transferia para Moscou! Perdurado até hoje!
------------------------------------

Muito bom o texto, garantia de risos!

Falta um filme!

O Ataque da Jibóia Negra!
HAHAHAHA

Mariana_Lm disse...

President Evil seria um sucesso de bilheterias/público/plateia com certeza!A burguesia ficaria mais agitada do que com o tropa de elite dois haha =x

Confesso que já pensei em escrever uma peça de teatro. Filme nunca. preciso ler mais arnaldo jabor pra isso hahaha
Abraço Ze! Parabéns pelo retorno do blog e espero que vc continue o/
Qdo der, dá uma lida lá no meu e sinta-se a vontade pra opinar.

=)

. disse...

kkkkkkkkkkkkkkkk... de todos o último é genial... mas gostei do primeiro também =D... o Russo, cara no mesmo filme morrer um russo e um americano é perfeito.

Kelvim Vargas Inácio disse...

kkkkkkkkkkkk
Guerra de bolas de neve... Melhor definição que eu já vi da guerra fria... rsrs
T++
Abraço compadre!
http://arfh-arfh.blogspot.com

Igan Hoffman (fazendo o impossível) disse...

KKKKKK.